terça-feira, 12 de maio de 2009

Primeiro e último comentário sobre a chatice


Gente, prestem atenção nesse post por favor.


TODA vez que eu resolvo falar que não gosto de algo ou alguém, vem alguém master ofendido aqui querendo pagar lição de moral através dos comentários ou e-mails.


Que coisa chata essa gente que não se contenta que no mundo nem todo mundo pensa como eles. Sente como eles. Estamos vivendo numa Democracia, certo? Supõe-se que num sistema assim, as pessoas tenham direito de se expressar como quiserem e que as outras pessoas vão respeitar tais pensamentos. Mas isso exige maturidade, isso exige algo muito mais profundo que a maioria das pessoas não têm.


Existem um milhão de blogs, de todos os tipos. As vezes entro e leio vários deles. Muitos tem tudo a ver comigo, outros nada, mas o fato é que eu nunca entrei em um deles para deixar comentários estilo "pagando sabão", naquele tom de quem sabe mais que o outro e tá alí pra ensinar o que é certo.


Esse tipo de atitude (de ficar debatendo diferenças em situações sem necessidade) mostra apenas que você, que faz isso, tem uma tendência ditadora e encrenqueira. CADÊ A SUA TURMA? Vá encontrar algo com que se identifique, que concorde, um blog que diga exatamente o que você quer ler. Internet é sempre um problema com isso, sempre tem um chato perturbando no msn, sempre tem um chato querendo adicionar a força no orkut, sempre tem um chato te perturbando no seu blog. Será que na vida real essas pessoas ficam doidas pra chegar em alguém no shopping e dizer "posso ser seu amigo?", chegar numa roda na balada e dizer "posso passar a noiiite com vcs?".


Eu, jamais vou deixar de falar o que penso porque algum chatinho entrou aqui e resolveu discordar. A última que eu lí foi a pior "cuidado com a sua tpm". Escreví um texto na mais pura tpm, assumí a condição, mas isso não quer dizer que eu não pense as mesmas coisas fora da tpm. Durante a tpm as coisas apenas saem mais, com mais verdades, mais agressivas. Perdí as contas de quantas vezes me livrei de uma amiga incoveniente durante uma tpm, me livrei de um namorado péssimo, reclamei em um estabelecimento que estava sendo mal atendida. Como é marginalizada a nossa tão feminina tpm. Mais uma das facetas do machismo. (A verdade é que os homens morrem de medo da gente quando estamos de tpm. Deixamos de ter aquela cara de florzinha do seu jardim e passamos pra algo com mais...ahm..atitude).


Pra finalizar, não vou mais aceitar esses comentários chatinhos, por que geram discussões e não é essa a intenção do blog. Aqui é um lugar pra rir, ser mulherzinha, dizer o que presta e o que não presta. Vou aceitar comentários referentes a isso e ponto. Senão vou ficar sendo usada como terapia de gente encrenqueira. Se você, por exemplo, gosta da Lady Di e eu escrevo aqui que não gosto, no máximo vc tem o direito de escrever que gosta dela, que discorda, AGORA escrever que eu não estou certa de não gostar da Lady Di em tom de sabão já é demais néé? Que maluquice essa gente... (se alguém disser que não gosta do Christian Dior eu MATO HEIMM, cuidado...)


Se você não gostou de algo que eu disse, clique naquele botãozinho alí em cima que fecha a página. Problema resolvido pra mim e pra você. E praquelas que gostam do blog, riem comigo, mandam e-mails que me fazem rir super tbm, comentam de forma saudável, sejam sempre bem-vindas!!

4 comentários:

Re disse...

Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Trela!
Tem tanta gente louca por ai! Adorei a parte do faz um blog dizendo o qto ama a Lady Di! Normal discordar, até mesmo sobre cosméticos pq cada um de nós é único, pele, cabelos, então nem sempre o que funciona pra um funciona pra outro, mas pagar sapo tb não né!

Cacau disse...

né! hehehehehe

Ludmila disse...

Apoiada a atitude de vetar chateeeeenhos... mas ninguém chamou essa moça pra ser a palmatória do mundo. Coisa de gente com Síndrome de Malcom[mida]. Se não gosta de maquiagem, marcas, produtos de beleza, por que se dá o trabalho de ler um blog sobre isso? Eu amo e sou inteligente o bastante pra saber que isso não fere meu intelecto. Isso é a cara daquelas feministas de bigodes!

Azanha Rangel disse...

É isso aí! Hahahaha.
Odeio isso também! Eu sigo o princípio de "o blog é meu e eu escrevo o que quiser", assim como respeito os outros!

Cada um é diferente!
E sabe que eu adoro ler blogs com opiniões diferentes das minhas?
Às vezes aprendemos coisas muito interessantes com isso!

Beijos!